ESTE BLOG RELATA UMA SÉRIE DE REFLEXÕES FEITAS ATRAVÉS DE UM ESTUDO SISTEMATIZADO DURANTE MEU TREINAMENTO COM MEU MENTOR.

DESEJO A TODOS QUE VISITAREM E/OU COLABORAREM COM ESSE BLOG,UMA SAUDAÇÃO DE BOAS VINDAS E O MEU MUITO OBRIGADO PELA SUA VISITA.

AGRADECE

ROXIE TIGRESA.

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

O que fazer ,quando uma submissa tem umas “ tarefinhas “ pra fazer .Eu sempre ouvi dizer que ordens são ordens. Então me arrumei e fui à sala encontrar o Dono. Quando entrei na sala, lá estava ele com os olhos de falcão seguindo a sua presa, são olhos encantadores, adoro quando ele me come com eles, nunca disse a ele, mas amo quando ele faz isso...Como sempre entrei e me joguei aos seus pés, ele me olhou, riu e disse: - Levante-se minha menina...Adoro quando ele me chama de menina, até hoje não sei por que ele me chama assim, também nunca perguntei. Lembrei da noite que resolvi pintar meu cabelo de preto, fiquei horrível ,ele riu e me pediu pra tirar na hora, tive que cortar, pois preto não sai fácil. Agora meu cabelo está na minha face cheiroso ,fininho e loirinho e pela primeira vez sinto prazer em senti-lo sobre minha face, pois só assim ele não pode me ver sorrindo também. Ele pressentiu o que eu estava fazendo, aproximou-se e ergueu meu queixou, fiquei sem ação no momento.- Adoro esse sorriso – disse ele me pegando desprevenida – é tão lindo!!Por que esconde de mim? Respirei fundo, e numa tentativa desesperada ,mordi os lábios e respondi: - Não o escondia Mestre. Ele olhou nos meu olhos e se levantou foi até a cômoda e lá pegou alguma coisa, não vi bem o que era...Depois de ter sido pega em flagrante, não mexi um músculo para sair dali, permaneci quieta em meu lugar esperando as instruções. De repente, diante dos meus olhos estava uma caixa de madeira com uma chave dentro, fiquei sem entender no momento, mas como quem lesse meus pensamentos, respirou fundo e falou: - Essa chave é a da sua coleira, se você decidir tira-la será uma submissa livre, sem Dono. Porém se permanecer será sobre minhas regras e elas serão inquestionáveis e inegociáveis. Decida até a noite. Agora levante-se. Não consegui me erguer, meu corpo todo tremia, não entendia o que estava a acontecer comigo, tínhamos só alguns dias juntos e ele já dominava meu corpo, como era possível?

Nenhum comentário:

Postar um comentário